quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Lançamentos V

  • Traduzido e Diagramado por: RGT

  • Tradução ZEALFIE27
  •  
  • Diagramação ARECO

Scanmaniacs

Scanmaniacs

A 3ª Guerra Mundial não teria acabado tão cedo se não fossem os androides. Quando os seus exércitos já estavam quase dizimados, as grandes potencias criaram esses soldados incansáveis e impiedosos que tinham na guerra sua única razão de existir. Um dia, entretanto, eles se rebelaram contra os seus criadores e seu uniram pára destruir a raça humana. Assim teve inicio a 4ª Guerra Mundial, o confronto entre o homem e a sua criação. Eventualmente, o homem foi o vencedor, embora não restasse muito para comemorar. Nas ruinas silenciosas das cidades devastadas, abrigavam-se os androides remanescentes que, mesmo derrotados, não desistiam do seu objetivo e tentavam eliminar cada ser humano que encontrassem. Pra acabar de vez com essa ameaça, foi criado em grupo de exterminadores, veteranos duros e corajosos que tinham razões de sobra para odiar esses arremedos de seres humanos. Korban era um deles... o exterminador cuja missão era destruir... O Último Androide
Scanmaniacs

Scanmaniacs

Uma edição dedicada aos apreciadores de histórias insólitas, onde o incrível mescla-se ao sexo, ao folclore regionalista, à luxúria, às enumeras ocorrências arrepiantes das pequenas e grandes cidades. Neste primeiro número de Neuros o leitor acompanhará um turismo de pavor pelo Brasil. No nordeste, participará das sangrentas e sensuais cenas do "Sacrifício para Chover", uma história que os transportará aos sertões abrasados e o colocará na primeira fila para ver e viver as cenas de uma superstição assustadora. Depois, o comando de sua imaginação ficará a cargo de levá-lo a uma grande cidade para presenciar o terrível encontro com "A Mulher Interessante". E agora que tal uma pescaria no Tietê? Não neste Tietê que se transformou em esgoto a céu aberto nos arredores de São Paulo, mas sim o rio límpido e piscoso que avança pelo oeste paulista... Então prepare o caniço, linhas, anzóis e chumbada. A isca? Encontre-a na história "Adultério" e depois faça a experiência. Este caso teria tudo para ser uma história pacata, com cenário bucólico, oferecendo a perfeita higiene mental de uma boa pescaria e, o que é muito importante, o prazer sensacional do amor físico. O ponto final deste mórbido turismo é o Rio Grande do Sul. Aonde a adaptação de um poema de José H. Rettamozo, folclorista gaúcho, produz, alem de calafrios, uma história de extraordinário impacto fúnebre. Terror regionalista autêntico, o "Mara-Gato" associa sangue, loucura, poesia e volúpia.

Nenhum comentário: